26 de maio de 2012

Jogos Olímpicos?


Que mundo é este? Os Jogos Olímpicos transformados num negócio e numa mega operação de propaganda.


Que mundo é este cada vez mais militarizado, com mais revoltas, com uma tensão social crescente e que, esta sociedade capitalista em decadência, resolve com mais repressão.  

Londres prepara-se para os Jogos Olimpicos. Em cada esquina estão a ser montadas câmaras de vigilância. Quem percorrer Londres nos meses que antecedem e durante os Jogos Olímpicos, vai estar sempre vigiado. Cada cidadão, cada visitante é um potencial criminoso e por isso suspeito. Carros da polícia são mais que os tradicionais autocarros. 

Forças militares e militarizadas estão convocadas para intervenção urbana. 
Vão ser ensaiadas novas armas como o Dispositivo Acústico de Longo Alcance (LRAD), que não mata mas rebenta os tímpanos. O mêdo é tal que até está prevista a instalação de mísseis terra-ar nos telhados de edifícios.
O maior navio de guerra da Royal Navy vai estar no rio Tamisa em Londres. Aviões de combate Typhoon e helicópteros Linx estarão prontos para intervir. A Scotland Yard e a Polícia de Londres abasteceram-se com mais de 10.000 munições com balas de plástico. Estão previstas circular viaturas adaptadas para prisões rápidas. A Polícia prevê estabelecer "áreas de dispersão", donde poderá evacuar todas as pessoas que se concentrem.

Foram previstos 400 quilómetros de percursos especiais para uso exclusivo das personalidades, dos membros da "família olímpica", atletas, patrocinadores e outras entidades. O Comité Olimpico reservou cerca de 2.000 salas e os melhores hotéis para seu uso. 


Quem paga tudo isto? Sempre os mesmos, certamente.
Quem ganha con tudo isto? Sempre os mesmos!


Os principais patrocinadores são McDonalds, BP e Dow Chemical. Todos alvo de forte contestação pela sua actividade. A presença da Dow Chemical é um insulto para a população sul-asiática vítima do gás que matou mais de 20.000 pessoas e causou graves doenças em centenas de milhares em Bhopal, na Índia.

Neste mundo olímpico, McDonald aparece como patrocinador da saúde, a BP da sustentabilidade. 

As cidades devem reservar todos os locais de publicidade para os patrocinadores, durante os jogos e no mês anterior, de acordo com o programa de marketing estabelecido. 


Informações recolhidas em:  http://www.zcommunications.org/protests-are-coming-to-the-olympic-games-by-dave-zirin