4 de agosto de 2011

Somália

29.000 crianças morreram de fome em três meses

Enquanto a NATO gasta milhares de milhões de euros nos bombardeamentos "humanitários" mais de 29.000 crianças, com menos de cinco anos, morreram de fome na Somália nos últimos três meses. É a pior crise humanitária que afecta o Corno de África.
 
De acordo com as Nações Unidas, a fome propagou-se a três novas zonas na Somália, incluindo a capital, Mogadíscio.