28 de novembro de 2014

No Ano e Dia Internacional de Solidariedade ao Povo Palestino

Aumenta no Mundo o repúdio aos crimes israelitas e o apoio à Palestina

O dia 29 de novembro é o Dia Internacional de Solidariedade com o Povo Palestiniano, no ano de 2014 dedicado também à causa da Palestina.
Este Dia Internacional de Solidariedade com o Povo Palestiniano foi instituído pela Organização das Nações Unidas (ONU).

A ONU debateu a causa palestina e a ocupação em importante sessão nos passados dias 24 e 25. Tem vindo a crescer a solidariedade internacional à Palestina. O regime israelita isola-se a velociodade acelerada. Cada vez mais países tomam posições contra os massacres perpetrados por Israel.

A Palestina admitiu pedir ao Conselho de Segurança uma resolução estabelecendo um prazo para o fim da ocupação. Admite no entanto que, mais uma vez os EUA usem o veto contra a maioria.



Desde 2012, muitos paises, mais de 130 reconheceram o Estado palestino e condenaram as políticas de ocupação de Israel, com a construção de colónias ilegais no território da Palestina e o permanente massacre das populações. 

A União Europeia, aliada do regime sionista, teve recentemente a contrariedade de ver a Suécia votar pelo reconhecimento do Estado da Palestina. Há outros países que tentam seguir as pisadas da Suécia e, em França, Espanha e Reino Unido, vários partidos discutem a posição a tomar nos Parlamentos pressionados por milhões de pessoas que saíram às ruas em todo o mundo, exigindo o fim dos massacres sionistas. Os recentes bombardeamentos de populações civis, durante mais de 50 dias, na Faixa de Gaza (julho e agosto), a ofensiva militar contra a Cisjordânia e os confrontos em Jerusalém, aceleraram em todo o mundo a revolta contra a ocupação e as agressões sionistas. O Conselho de Direitos Humanos da ONU votou o inquérito sobre os crimes de guerra de Israel, com um único voto negativo, o dos EUA.  

Uma nota suplementar: