22 de novembro de 2011

Roubo ao Estado para dar aos bancos privados

Escândalo da entrega de 12.000 milhões de euros à Banca privada

Roubo aos portugueses e ao país para dar aos banqueiros.

O país esta a ser saqueado, pelo governo e políticos da direita.
Como é possível, e em nome de quê, transferir o dinheiro que vamos ter que pagar em impostos, para entidades privadas que não querem que o Governo as controle?

A Banca, para além de não pagar impostos como a generalidade das empresas, obtém lucros com o dinheiro alheio, não tem riscos, transfere os lucros sem impostos, para os banqueiros, para offshores e para o estrangeiro.

Portugal está a ser saqueado por quem é responsável pela crise.
Oiçam a denúncia de Bernardino Soares, deputado do PCP.



"Enquanto se cortam mais de 2000 milhões de euros em salários e reformas; enquanto se aumenta o IVA, incluindo em bens essenciais, em mais de 2000 milhões de euros; ao mesmo tempo que se cortam 1000 milhões de euros na saúde e mais de 1500 milhões de euros na educação, o Governo prepara-se para entregar 12 mil milhões de euros à banca privada em Portugal", e sem contrapartidas porque os bancos assim o exigem, como demonstrou Bernardino Soares.

"Passamos a vida a ouvir dizer que temos de aceitar as condições da troika porque eles é que nos emprestam o dinheiro. Mas agora para entregar milhões à banca quem decide já não é quem empresta mas sim quem recebe: Ricardo Salgado e companhia".


"Com o patrocínio do PSD, do CDS e do PS, que nestes momentos também diz sempre “presente”, o que está aqui em causa é uma gigantesca transferência de recursos para o capital financeiro; recursos que são dos povos e que os governos entregam aos bancos. Não pode ser! Quem ficou com os lucros que pague a factura da recapitalização".