12 de dezembro de 2011

Perguntas... (2)

Alguns decidem a vida de milhões

A União Europeia decide tratados sem ouvir os deputados europeus. Os representantes dos Estados decidem sem ouvir os parlamentos nacionais. Governos são substituídos por decisões de alguns "funcionários" de instituições não eleitas.
Em nome dos "mercados" governos decidem as vidas dos que os elegeram para fazer o contrário do que fazem.
Referendos...nem pensar! As decisões dos estados são tomadas sem discussão nos respectivos países. 

Isto, nunca foi democracia directa. Não chegou a ser democracia participativa.  Não é democracia parlamentar. Não é democracia representativa. Que democracia é esta então?