24 de outubro de 2012

Luta de classes, política de classe

O "Pacto de Agressão" é a expressão mais evidente da luta de classes

Bem dizia Marx que só existem duas classes fundamentais: a classe exploradora e a classe explorada. A luta de classes é acentuada pelo capitalismo nesta sua política de permanente exploração dos trabalhadores, em todos os domínios da vida social.
O capitalismo criou a crise económica e quem a paga são os trabalhadores. 

A política das troikas, interna e externa

O governo, apesar de eleito pelo povo enganado, é o representante da classe exploradora e como tal executa a política de direita, a política do grande capital financeiro. A política do FMI, do Banco Central Europeu e da União Europeia. A troika que nos colonizou. No fundo a política dos Bancos e dos banqueiros cada vez mais ricos.

O dinheiro não se evapora. Sai de um lado e entra noutro

Porque é que com a crise do capitalismo os muito ricos aumentam as suas fortunas, enquanto há cada vez mais pobres?
Porque os governos de direita executam uma política de classe que promove a transferência do dinheiro dos bolsos de quem trabalha para o grande capital.

Os partidos de direita são a "bomba" que bombeia o dinheiro de uns para outros

Em Portugal, os impostos agora previstos no Orçamento de Estado para 2013 são o claro exemplo dessa política, como foram o roubo dos subsídios, a redução de ordenados da função pública, como são os aumentos de preços dos bens essenciais.
Isto parece ser claro para a grande maioria das pessoas. Contudo não se traduz nas escolhas eleitorais. Porquê?

O capitalismo luta e ataca com meios poderosos

Os eleitores continuam a ser manipulados pelas mentiras que permanentemente os jornais, a televisão, os comentadores (sempre os escolhidos pela direita), pela constante propaganda que nos atinge a toda a hora. É isto a luta de classes que eles não querem reconhecer.

O caminho é a elevação da consciência da classe explorada

Como sair deste ciclo de permanente alternância dos partidos que fazem a mesma política e que competem entre si para servir o capital e melhor enganar os eleitores?
Certamente um dos caminhos é o esclarecimento para que os "enganados" ganhem consciência da sua responsabilidade ao votar sempre nos mesmos.